Data: 01/12/2021 14:37 / Autor: Redação / Fonte: Colégio Marista Arquidiocesano

Arquidiocesano abre premiada iluminação de Natal para visitação gratuita

São mais de 30 anos fazendo parte do roteiro do Natal paulistano. Neste ano, a decoração de Natal contempla mais de 150 mil lâmpadas de led, que são reutilizadas anualmente


Natal - iluminação
Natal - iluminação

Crédito: Estadão

No dia 4 de dezembro (sábado), às 19h30, o Colégio Marista Arquidiocesano, responsável por uma das iluminações de Natal mais tradicionais da capital paulista, inicia a visitação do público ao presépio mecanizado que representa a Sagrada Família.

Em 2021, a decoração de Natal contempla mais de 150 mil lâmpadas de led, que são reutilizadas anualmente.

Além do presépio, o Colégio Marista Arquidiocesano enfeita a sua fachada neoclássica com cascatas iluminadas, estrela, guarda-chuvas iluminados e adornos. Destaque para um túnel de luzes no térreo, que representa a esperança pelo ano novo que se inicia. 

A apresentação acontece na entrada principal do colégio, localizado na Rua Domingos de Morais, nº 2565, na Vila Mariana. A atividade será aberta ao público, seguindo os protocolos de segurança e de saúde, além de ser gratuito.

A visitação acontece até 5 de janeiro de 2022. O horário da iluminação e visitação será: no dia 4 de dezembro, das 19h30 até as 22h; nos demais dias, das 20h até às 23h. Nos dias 24 e 31 de dezembro haverá somente iluminação.

 “Como fazemos todos os anos, reciclamos materiais para a produção das guirlandas, arcos, além dos guarda-chuvas iluminados, uma novidade para este Natal, com lâmpadas de led”, afirma o gerente do Colégio Marista Arquidiocesano, Marcus Vinicius de Souza.

Serviço:

Visita (gratuita) da celebração do Natal do Colégio Marista Arquidiocesano

Local: Rua Domingos de Morais, nº2565, Vila Mariana, São Paulo (SP)

Período de visitação: de 4 de dezembro de 2021 a 5 de janeiro de 2022

Horário de visitação: das 19h30 até as 22h

Importante: nos dias 24 e 31 de dezembro haverá somente a iluminação da fachada

Comente aqui