Data: 30/11/2020 22:08 / Autor: Redação / Fonte: UZMK Conteúdo

Drauzio Varella e Jairo Bouer fazem live sobre o sentimento de culpa entre pessoas com HIV

No Dia Mundial de Combate à Aids, médicos conversam com paciente sobre estigma e como os jovens lidam com a infecção


Crédito: Divulgação

A descoberta da aids e o alto índice de mortalidade trouxeram um novo desafio para a ciência mundial. Desde a sua descoberta na década de 80 até hoje, houve avanços extraordinários no tratamento, mas ainda não temos a cura. Marcando os mais de 30 anos de combate à doença, Drauzio Varella, acompanhado do psiquiatra Jairo Bouer, fazem um mergulho na realidade da saúde de milhares de pessoas que lutam contra a aids nesta terça-feira (01/12), às 15h, no canal do YouTube Drauzio Varella.

Drauzio e Jairo vão conversar com Lucas Raniel, influenciador e comunicador de prevenção combinada de HIV/Aids. O foco da live será o estigma e culpa que essa população ainda sofre, a dificuldade de encontrar profissionais de saúde mental que compreenda essa condição e a forma como os jovens lidam com a infecção. A live também vai falar sobre o desconhecimento a respeito de tratamentos contínuos como PrEP (profilaxia pré-exposição), fornecida pelo SUS e que pode transformar a qualidade de vida dessa população.

O HIV é o vírus transmitido por meio de fluidos corporais e atinge as células do sistema imunológico. Sem tratamento, ele causa a síndrome da imunodeficiência adquirida (aids). Até o final de 2019, 38 milhões de pessoas em todo o mundo viviam com HIV. Desse total, 81% conheciam seu estado sorológico positivo. Cerca de 7,1 milhões de pessoas não sabiam que estavam vivendo com o vírus, segundo os dados mais recentes do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Aids (UNAIDS).

“Para os que vivenciaram a década de 90, ser diagnosticado com aids era como perder a vida naquele instante. Muitas campanhas de conscientização foram realizadas para alertar sobre os riscos da doença, e assim, a geração 90 avançou sabendo que a prevenção era o único caminho.  Porém, o tempo passou e as gerações mais jovens têm a visão de uma doença menos grave. A luta contra a aids não acabou. É preciso prevenir”, alerta dr. Drauzio Varella.

Serviço:

Onde: YouTube Drauzio Varella

Quando: Terça-feira (01/12)

Horário: 15h

Produção: UZMK Conteúdo

Comente aqui