Data: 01/08/2020 10:34 / Autor: / Fonte: Rede Globo/Wikipedia

Entrevista com Bial: “É TUDO MENTIRA”, desabafa Lucélia Santos

No programa da Rede Globo "Conversa com Bial" desta madrugada, a atriz Lucélia Santos desabafa e diz que sua carreira foi prejudicada por inveja e mentiras depois da novela Escrava Isaura


Segundo a Wikipedia, foi uma das telenovelas brasileiras mais exibidas no mundo, para mais de 100 países, entre eles Alemanha, África do Sul, Áustria, Bélgica, Bulgária, China, Coreia, Dinamarca, Gana, Hungria, Indonésia, Islândia, Israel, Itália , Letônia, Líbano, Lituânia, Luxemburgo, Madagáscar, Namíbia, Nigéria, Nova Zelândia, Polônia, Portugal, Quênia, República Tcheca, Rússia, Singapura, Sri Lanka, Suíça, Turquia, Ucrânia e Moçambique, chegando a parar a guerra na Croácia, furando a cortina de ferro na Europa. Em Cuba o governo cancelou o racionamento de energia elétrica durante o horário da novela. Em Portugal, a sessão da Assembleia da República foi encerrada antes do horário previsto, para se assistir ao final da novela. E o personagem de "Leôncio" gerou um ódio tal nos Portugueses, que houve uma manifestação contra o ator Rubens de Falco, quando este veio visitar Portugal.

Lucélia Santos visitou muitos deles e recebeu diversos prêmios, como o Latino de Ouro, concedido pela Emissora Caracas de Rádio e Televisão, na Venezuela. Na China, 300 milhões de pessoas elegeram Lucélia a melhor atriz de 1985.

Vítima de Fake News

"Eu acho que gerei um certo nível de rejeição, ciúme, inveja... E fui vítima de um tipo de fake news, das pessoas terem necessidade de falar mal de mim."

No programa "Conversa com Bial" desta madrugada, o texto de abertura já informava que a paixão internacional por Lucélia Santos só é comparável à despertada pelo rei Pelé. A atriz estreou na TV em 1976 como protagonista de "A Escrava Isaura". Exportada para mais de 100 países, a novela se tornou um estrondoso sucesso no mundo inteiro.

As difamações que a atriz recebeu no início da carreira foi comparada às atuais fake News da atualidade comparou Bial, prejudicando a carreira da “novata”, fato concordado e reconhecido por Lucélia: "Vêm do mesmo desempenho humano de rejeitar, ou querer atacar, rechaçar alguém".

"Eu acho que gerei um certo nível de rejeição, ciúme, inveja... E fui vítima de um tipo de fake news, das pessoas terem necessidade de falar mal de mim."

Comente aqui