Data: 13/01/2022 10:25 / Autor: Redação / Fonte: Itaú Cultural Play

Itaú Cultural traz estreia da série Peixonauta e novos episódios de Território do Brincar

A partir do dia 14 de janeiro as crianças têm mais duas opções de divertimento na Itaú Cultural Play, plataforma gratuita de streaming do Itaú Cultural dedicada ao cinema brasileiro


A partir do dia 14 de janeiro as crianças têm mais duas opções de divertimento na Itaú Cultural Play, plataforma de streaming da instituição dedicada ao cinema brasileiro. Uma delas é a estreia de 15 episódios da série de animação Peixonauta. A outra, é a inclusão de 12 novos episódios da série Território do Brincar, com direção de Renata Meirelles, David Reeks e Fernanda Heinz Figueiredo e correalização do Instituto Alana.

Peixonauta foi criada por Célia Catunda e Kiko Mistrorigo e produzida pela Pinguim Content, Tooncan e Discovery Kids. O sucesso da produção, lançada oficialmente em 2009, é tanto que ela ganhou versões em inglês e espanhol, foi adaptada para o teatro, em 2013, inspirando inclusive uma edição musical, em 2015, logo depois de se tornar filme, em 2014.

O roteiro de Peixonauta gira em torno das aventuras de um peixe agente secreto que usa um traje especial por meio do qual pode voar e respirar fora d'água. Junto de seus melhores amigos, Marina e Zico, busca soluções para proteger o meio ambiente. A série explora de maneira única e divertida os vários mistérios do mundo, sejam eles aquáticos ou terrestres, já que o Peixonauta transita entre os dois mundos. É um desenho interativo, que incentiva a participação do público para desvendar um mistério em cada episódio.

Na série Território do Brincar, crianças de diferentes regiões do Brasil trocam vivências e saberes sobre os mais curiosos brinquedos e brincadeiras. Gestos, palavras e conhecimentos lúdicos revelam a essência da infância nos episódios. Em cada um deles, o público conhece uma maneira diferente de brincar no país, de Norte a Sul. Estes novos episódios se juntam a outros três – Casinha, Wust e Palmas –, disponibilizados na plataforma desde seu lançamento em junho passado.

Dessa vez, entram em exibição 12 novos episódios de uma vez. Neles, o público fica conhecendo, por exemplo, a corrida de toras, praticada pelos meninos da aldeia Nãsêpotiti, no Pará; ou a peteca, que o povo indígena Panará, na Amazônia, faz com palha de milho, em Abadia, Minas Gerais, é feita de casca de banana e no Espírito Santo é confeccionada com sola de chinelo. Tem também o pião, feito de uma frutinha verde, colhida pelas crianças, chamada Biorra em Abadia e os Panará fazem com a semente do tucumã, fruta de uma palmeira típica da região amazônica. Na série também estão personagens, como o artesão que constrói brinquedos na comunidade do Córrego da Velha de Baixo, no Vale do Jequitinhonha, Minas Gerais, ou o avô capixaba que se diverte construindo carrinhos para o neto.

Este projeto foi realizado entre abril de 2012 e dezembro de 2013, quando os documentaristas Renata Meirelles e David Reeks, acompanhados de seus filhos, percorreram o Brasil, visitando comunidades rurais, indígenas, quilombolas, grandes metrópoles, sertão e litoral. Eles registraram as sutilezas da espontaneidade do brincar a partir de intensas trocas e diálogos, por meio de gestos, expressões e saberes que foram cuidadosamente registrados em filmes, fotos, textos e áudios revelando o país por meio dos olhos das crianças.

Tendo o Instituto Alana como correalizador do projeto, este intenso trabalho de pesquisa foi sistematizado, dando origem a diversas produções culturais: um filme de longa metragem, dois livros e duas séries infantis para TV, filmes de curta metragem, artigos, além de uma exposição itinerante que, entre 2014 e 2015, percorreu o Brasil em escolas, festivais e praças.

SERVIÇO:

Estreia da série Peixonauta e dos novos episódios de Território do Brincar

Itaú Cultural Play

Ambas no dia 14 de janeiro

Em: https://www.itauculturalplay.com.br/

Classificação: livre

Comente aqui