Data: 06/07/2022 11:28 / Autor: Redação ABCdoABC / Fonte: Estadão Conteúdo

Vale inicia obras para eliminar barragem Ipoema em MG e evitar nova Brumadinho

Eliminação de todas as barragens a montante da Vale no Brasil tem por objetivo evitar que tragédias


Crédito: Reprodução

A Vale informa que iniciou nesta quarta-feira, 6, as obras para eliminação da barragem Ipoema, na Minas do Meio, em Itabira (MG). A barragem é uma das cinco estruturas a montante com conclusão de descaraterização e reintegração ao meio ambiente previstas até o final deste ano, quando a companhia terá cumprido 40% do total previsto no seu Programa de Descaracterização, o equivalente a 12 de 30 barragens.

A eliminação de todas as barragens a montante da Vale no Brasil tem por objetivo evitar que tragédias como o rompimento da barragem da mina do Córrego do Feijão, em Brumadinho (MG), que matou quase 300 pessoas, voltem a ocorrer.

Segundo a Vale, as atividades de descaracterização, que significa reintegrar funcionalmente a estrutura e seus conteúdo ao meio ambiente, serão executadas em horário comercial para reduzir os impactos nas comunidades próximas. "A empresa também fará a umectação das vias de acesso para diminuir a poeira, além do controle da qualidade da água e destinação correta de resíduos", diz a Vale em nota.

A barragem Ipoema deixou de operar em 2019. A estrutura é monitorada permanentemente pelo Centro de Monitoramento Geotécnico (CMG), de acordo com a companhia.

Em Itabira, os diques 3 e 4 do Sistema Pontal também estão em obras de descaracterização e têm conclusão prevista até dezembro deste ano. Outras duas estruturas a montante do Complexo Itabira já foram descaracterizadas: o dique 5, de Pontal (2021), e o dique Rio de Peixe (2020).

Ao final deste ano, metade das dez estruturas a montante de Itabira já estarão eliminadas. "A Vale reforça que as obras de descaracterização são complexas, com soluções customizadas para cada estrutura e estão sendo realizadas de forma cautelosa....Os projetos e obras são acompanhados pela auditoria técnica do Ministério Público de Minas Gerais", informa a mineradora.

As obras de eliminação das barragens a montante da Vale no Brasil já geraram 20,3 mil empregos desde 2019. Hoje, mais de 4 8 mil trabalhadores atuam nas ações do Programa de Descaracterização da empresa, concentradas em Minas Gerais.

Comente aqui