Data: 21/10/2020 20:39 / Autor: Keila Macedo / Fonte: Secom Diadema

Lauro Michels entrega reforma da Praça Castelo Branco

Totalmente reformada, praça oferece à população de Diadema mais uma opção de lazer com novo paisagismo


Crédito: Thiago Benedetti

O prefeito Lauro Michels entregou nesta quarta-feira, 21/10, a reforma da praça Castelo Branco. O espaço foi inaugurado em 1965, por Lauro Michels, tio-avô do atual prefeito e tem área de 10 mil mcom 70 novas árvores de espécie nativa da Mata Atlântica, playground, iluminação com lâmpadas de led e bolsão de estacionamento com 28 vagas.

“A Praça Castelo Branco está no coração da cidade. Com a reforma o Centro ganha vida extra. Melhorou a mobilidade, o acesso aos comércios, criou-se espaço exclusivo para as crianças, além do novo paisagismo”, comentou o prefeito Lauro Michels.

A primeira etapa da obra teve início pela substituição das antigas redes de água e esgoto, drenagem, meio fio, sarjeta e pavimentação do bolsão de estacionamento. Na segunda etapa foi feito boulevard, drenagem da praça e execução das calçadas, concluída a praça com a instalação do playground, revitalização do paisagismo e da iluminação pública.

A reforma melhorou a mobilidade da região além de trazer mais segurança e funcionalidade para quem transita pelo Centro.

“Em nome dos comerciantes do Centro, gostaria de agradecer o prefeito Lauro Michels por atender uma reivindicação muita antiga de todos. Agora, a praça está linda e funcional como merecemos”, comentou o proprietário das óticas Carol, Jorge Biali.

Durante a revitalização, foi feita a realocação das bancas de jornal e barracas de artesanato e alimentos. O valor total investido é de R$ 2.132.598,60.

Umas das prioridades da Secretaria de Meio Ambiente, durante a execução do projeto, foi garantir a compensação ambiental, promovendo o plantio de mais de 70 árvores, entre elas jacarandá mimoso, pau formiga, acácia mimosa, resedá branco, resedá rosa, além de peperômia, maranta zebrada, hera variegata, mini ixora, singônio e liríope.

As palmeiras retiradas da praça foram transplantadas para o km 16 da Rodovia dos Imigrantes. As supressões de 14 árvores comprometidas estão de acordo com a Lei Municipal 3.720, de 2.017, aprovada pelo Conselho Municipal de Meio Ambiente (Condema) em reunião ordinária, em 11 de dezembro de 2018, e reunião extraordinária, em 17 de setembro de 2019. 

Além da Secretaria de Serviços e Obras, a revitalização da Praça envolveu ações de outras pastas como Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico e Trabalho.

Praça Castelo Branco

Encontro da Avenida Alda com Avenida Antônio Piranga – Centro

Comente aqui