Data: 12/11/2021 09:31 - Alterado em: 22/11/2021 14:10 / Autor: Redação / Fonte: Fábrica de Cultura

Projeto Espetáculo 2021 promove a investigação da realidade por meio da arte

Aprendizes e arte-educadores criaram cinco peças audiovisuais que serão apresentadas pelo Youtube das Fábricas de Cultura. A Fábrica de Cultura Diadema fará apresentações presenciais


Aprendizes da Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha criaram um álbum visual desenvolvido sob a perspectiva da fome
Aprendizes da Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha criaram um álbum visual desenvolvido sob a perspectiva da fome

Crédito: Eduardo Liron

Em novembro, as Fábricas de Cultura, programa da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e gerenciado pela Poiesis, localizadas nas zonas Norte e Sul de São Paulo e Diadema, apresentam o Projeto Espetáculo 2021, ação artístico-pedagógica de produção coletiva que reúne jovens a partir dos 12 anos para participar de um processo artístico, que engloba pesquisa, construção e apresentação de um espetáculo.

Após oito meses de trabalho, os aprendizes e arte-educadores irão apresentar cinco peças audiovisuais. As produções foram feitas cumprindo o isolamento social. Desta forma, sob a orientação dos arte-educadores, os aprendizes se dividiram em núcleos e trabalharam por meio de salas virtuais e das redes sociais.

O ponto de partida das produções foi a análise sobreposta dos trabalhos do fotógrafo Sebastião Salgado com as obras de artistas originários dos territórios das Fábricas de Cultura. Fotografias, murais e pinturas, foram analisadas à luz das realidades local e global gerando reflexões, as quais foram expressas por meio da poesia, do teatro, da dança e da música. Além da atuação, os jovens colaboraram na construção dos roteiros e personagens, das músicas e coreografias e dos cenários e figurinos. Confira os detalhes das produções:

Em "Travessias - Do amanhã ao ontem", aprendizes da Fábrica de Cultura Jardim São Luís apresentam as gingas, as esquivas que refazem os espaços e transformam os corpos afroindígenas, urbanos, do concreto, das quebradas, para discutir o papel da ancestralidade no hoje. A transmissão da produção será no dia 22 de novembro, às 15h.

No dia 23 de novembro, às 15h, os aprendizes da Fábrica de Cultura Capão Redondo apresentam a peça audiovisual "A vida é um sonho?". Nessa produção, o público será guiado pelo personagem Marsalis, um MC que traz uma reflexão musical sobre o Lado A e o Lado B dos Sonhos. Com uma banda cênica em ação, a peça show audiovisual passa por quatro estações dessa viagem: Sonho, Utopia, Pesadelo e Despertar, com músicas autorais e homenagens que vão de Martin Luther King ao poeta Sérgio Vaz.

Já na peça audiovisual "Cadê meu Carnaval?! - O Canto nos Afrosambas e Lamentos", os aprendizes da Fábrica de Cultura Brasilândia contam a história de uma mãe e seus dois filhos que buscam inspiração e força nos cantos, nos lamentos e na calunga que liga a sua verdadeira terra. Eles cantam para o trabalho ter sentido, eles gracejam para que a vida tenha sentido enquanto aguardam o carnaval. A apresentação será no dia 23 de novembro, às 19h.

Na produção "Fome: Sobrevivência, Justiça e Conflitos", que será transmitida no dia 25 de novembro, às 14h, o núcleo de aprendizes da Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha exibirá um álbum visual desenvolvido sob a perspectiva da fome, criado pelo ponto de vista de questões atuais e permeado por 3 blocos temáticos: sobrevivência, justiça e reparações, conflitos e encontros de gerações.

Com "Saltar", os aprendizes da Fábrica de Cultura Jaçanã mostram a história de uma cidade sitiada e de bases autoritárias que passa a vivenciar uma série de eventos suspeitos. É neste cenário que um grupo de habitantes resolve saltar os muros que formam a fronteira da cidade e seguir em direção à uma jornada que os levará ao único ponto visível na linha do horizonte: um farol e sua luz intermitente. A produção será transmitida no Youtube das Fábricas de Cultura no dia 25 de novembro, às 20h.

Diferente das demais unidades das Fábricas de Cultura, a de Diadema contará com duas apresentações presenciais dos espetáculos produzidos pelos aprendizes e arte-educadores: o Projeto Espetáculo com Show de Música e o Projeto Espetáculo de Realidade Aumentada .

No Projeto Espetáculo com Show de Música, o público poderá acompanhar no Teatro da Fábrica de Cultura Diadema o show "Noite de Cores", que terá composições e canções autorais dos aprendizes, retratando a alegria, a dor, a luta e os sonhos da juventude em seu cotidiano. As apresentações serão realizadas nos dias 18,19 e 23 de novembro, quinta, sexta e terça-feira, às 20h; no dia 20, sábado, às 18h; e no dia 21, domingo, às 16h. Os ingressos devem ser retirados uma hora antes do horário programado.

Já no Projeto de Realidade Aumentada, a proposta é fazer com que seis obras da mostra "Habitat" interajam com os espaços da unidade, criando um tipo de jogo em que o participante, por meio de um dispositivo móvel, possa ter acesso a um ambiente expandido nas instalações da Fábrica.

Nos corredores do 1° e 2° Andar da unidade, a "Instalação em realidade aumentada" propõe um jogo de luzes proporcionados pelos blocos de vidro colorido ganham vida quando os visitantes apontam o celular para o corredor. Já na sala Multiuso e no Foyer do Teatro, a obra "Mural interativo online" permite que o público use os próprios aparelhos para criar releituras de personagens do folclore brasileiro.

Na biblioteca, uma chamada que passa nas telas dos computadores convida o leitor a apontar seu celular para os QR Codes instalados nas estantes. Assim que o fizer, um poema saltará de sua tela envolvendo o ambiente com a atmosfera do gênero escolhido.

Quem passar pela Sala Multiuso poderá colocar os óculos de realidade virtual. Desta forma, o visitante é convidado a explorar um labirinto repleto de elementos sobre a vida de uma pessoa. A experiência coletiva desafia o participante a encontrar a si mesmo em algum lugar.

Outra obra que ocupará a Sala Multiuso é a "Galeria", uma experiência de realidade aumentada que demonstra desde o início da história e da geometria as criações da humanidade que culminaram nas obras de artistas como Jacob Lawrence e do brasileiro Rubem Valentim.

A última obra da mostra Habitat é a "Caça ao Folclore", realizada na recepção e nos pontos de coleta de lixo espalhados pela Fábrica. Logo na chegada à Fábrica, os visitantes são convidados a interagir com o anfitrião e entrar numa missão: Ajudar os personagens do nosso folclore a destinar corretamente o lixo para preservar seu habitat. Quem encontrar todas as pistas recebe um agradecimento especial.

De 13 a 20 de novembro, das 15h às 18h, a atividade contará com visitação guiada pelos aprendizes e educador. Nos dias 17 e 18, quarta e quinta-feira, a visitação guiada será das 18h às 20h. A visitação livre será aberta no dia 19 de novembro, sendo de terça a quinta das 10h às 19h, sextas das 10h às 17h e sábados das 9h às 13h.

SERVIÇO:

Fábrica de Cultura Jardim São Luís

TRAVESSIAS - DO AMANHÃ AO ONTEM
22/11 às 15h.
Faixa Etária: a partir de 12 anos
Participação: Aberta ao Público
Plataforma: Youtube.

Fábrica de Cultura Capão Redondo

A VIDA É SONHO?
23/11 às 15h.
Faixa Etária: a partir de 12 anos
Participação: Aberta ao Público
Plataforma: Youtube.

Fábrica de Cultura Brasilândia

CADÊ MEU CARNAVAL?! - O Canto nos Afrosambas e Lamentos
23/11 às 19h.
Faixa Etária: a partir de 12 anos
Participação: Aberta ao público
Plataforma: Youtube.

Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha

FOME: SOBREVIVÊNCIA, JUSTIÇA E CONFLITOS
25/11 às 14h
Faixa Etária: a partir de 12 anos
Participação: Aberta ao Público
Plataforma: Youtube.

Fábrica de Cultura Jaçanã

SALTAR
Data e horário: 25/11 às 20h
Faixa Etária: a partir de 12 anos
Participação: Aberta ao Público
Plataforma: Youtube.

Fábrica de Cultura Diadema

SHOW DE MÚSICA
18,19 e 23/11 às 20h.
20/11 às 18h.
21/11 às 16h.
Faixa etária: a partir de 12 anos
Local: Teatro da Fábrica de Cultura Diadema.
Ingressos: Distribuição 1h antes do espetáculo. A capacidade de lugares do Teatro estará condicionada ao protocolo vigente. Duração aprox.: 60 min.

PROJETO ESPETÁCULO EM REALIDADE AUMENTADA E VIRTUAL
Visitação guiada pelos aprendizes e educador: Dias 13 e 20/11 das 15h às 18h e dias 17 e 18/11 das 18h às 20h.
Visitação livre: a partir de 19/11, sendo de terça a quinta das 10h às 19h, sextas das 10h às 17h e sábados das 9h às 13h
Faixa etária: a partir de 12 anos.

Fábrica de Cultura Brasilândia
Avenida General Penha Brasil, 2508 | Telefone: (11) 3859-2300

Fábrica de Cultura Capão Redondo
Rua Bacia de São Francisco, s/n | Telefone: (11) 5822-5240

Fábrica de Cultura Diadema
Rua Vereador Gustavo Sonnewend Netto, 135 - Centro - Diadema/SP | Telefone: (11) 4061-3180

Fábrica de Cultura Jaçanã
Entrada 1: Rua Raimundo Eduardo da Silva, 138 | Entrada 2: Rua Albuquerque de Almeida, 360 | Telefone: (11) 2249-8010.

Fábrica de Cultura Jardim São Luís
Rua Antônio Ramos Rosa, 651 | Telefone: (11) 5510-5530.

Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha
Rua Franklin do Amaral, 1575 | Telefone: (11) 2233-9270

Comente aqui