Data: 16/09/2021 14:46 / Autor: Redação / Fonte: PMETRP

Alunos dos cursos de costura do SENAI/Sebrae de Ribeirão Pires concluem formação

Secretaria de Educação da cidade, em parceria com as instituições, entregou certificado simbólico aos participantes


Alunos dos cursos de costura do SENAI/Sebrae de Ribeirão Pires concluem formação
Alunos dos cursos de costura do SENAI/Sebrae de Ribeirão Pires concluem formação

Crédito: PMETRP

A Secretaria de Educação de Ribeirão Pires entregou nesta quinta-feira, dia 16, certificação simbólica de conclusão de curso aos alunos das formações gratuitas na área de costura oferecidas em parceria com o SENAI/Sebrae. Desde o início da pandemia do coronavírus, em 2020, essas foram as primeiras turmas de qualificação profissional a participarem de atividades presenciais promovidas no Centro de Formação Professor Paulo Freire.

Por meio da parceria com a Secretaria de Educação da cidade, os moradores aprenderam noções básicas – teoria e prática – nos cursos “Aprenda a Confeccionar Vestidos” e “Aprenda a Costurar em Tecido Plano e Malha”. Parte das inscrições foi destinada a pessoas em situação de vulnerabilidade cadastradas nos Centros de Referência de Assistência Social – CRAS do município.

“A Secretaria de Educação recebeu a missão de fortalecer a formação dos moradores no âmbito profissional, ampliando as oportunidades de crescimento dessas pessoas. Uma honra dar início a esse novo trabalho ao lado de instituições renomadas, o SENAI e o Sebrae, que com certeza irão agregar muito conhecimento e abrir portas aos alunos”, explicou a secretária de Educação de Ribeirão Pires, Rosi Ribeiro de Marco.

Zenilda Auciliadora Gaspar Sabino, 53 anos, é professora do Estado aposentada e uma das formandas. “Essa foi uma forma de ocupar a mente e de ampliar o conhecimento. Sempre tive vontade de fazer o curso. Tentei várias vezes me inscrever, mas nunca tinha vaga. E a oportunidade foi maravilhosa”, contou a aluna, que terá, a partir da formação, uma atividade profissional para complementar a renda da aposentadoria.

Marisa Zavan, 31 anos, instrutora de formação profissional do SENAI, conta que a maioria dos alunos começou o curso do zero. “É como se fosse uma folha em branco. Com o curso, já estão conseguindo fazer as atividades com as próprias pernas, refazer os produtos que aprenderam aqui em casa, sozinhas. Tanto na modelagem quanto na costura, o ideal é sempre praticar. Os alunos já saem com uma profissão daqui”, observou.

Os cursos do SENAI/Sebrae e da Secretaria de Educação foram 100% presenciais e tiveram duração de 88 horas. “Os alunos com a frequência e participação exigidas receberão certificação definitiva do SENAI/Sebrae nos próximos dias, um diferencial para profissionais que buscam oportunidades no mercado de trabalho”, destacou Carla Carneiro, coordenadora do Departamento de Formação Profissional da Secretaria de Educação de Ribeirão Pires.

Comente aqui