Data: 02/12/2021 11:12 / Autor: Redação / Fonte: PMETRP

Ribeirão Pires avança no Programa de Recuperação de Escolas

Unidades de ensino municipais estão sendo reestruturadas e recebem melhorias para ampliar segurança e acolhimento de alunos e profissionais da rede


Reforma -  EM Amauri do Nascimento
Reforma - EM Amauri do Nascimento

Crédito: PMETRP

A Prefeitura de Ribeirão Pires, por meio de ação integrada entre as secretarias de Educação e de Obras, está realizando reformas em unidades de ensino municipal, pelo Programa de Recuperação de Escolas. Nos últimos dias, tiveram início as intervenções na E.M. Amauri do Nascimento, E.M. Irmã Maria Bernadete e E.M. Silvio Roberto Grecco. Entre as melhorias estão ampliação de acessibilidade, troca de telhados e telhas e reparos estruturais que garantem mais segurança a alunos e profissionais da rede.

“No início deste ano, nos deparamos com um cenário de incontáveis dificuldades, de abandono de nossas escolas. Utilizando recursos e equipe própria, começamos a recuperar as unidades, atendendo casos prioritários. E agora avançamos com reformas maiores, tudo para preservar a integridade dos estudantes e da comunidade escolar e garantir ambientes mais acolhedores para a aprendizagem”, explicou a secretária de Educação da cidade, Rosi Ribeiro de Marco.

Na E.M. Amauri do Nascimento, as equipes estão realizando reforma da cobertura, com troca de telhas e calhas; construção de nova calçada; concretagem de área utilizada para atividades recreativas; além de adequações de acessibilidade.

Muro que apresentava risco de queda em frente à E.M. Irmã Maria Bernadete foi removido e um novo está sendo construído, observando medidas de segurança para a contenção da estrutura. Área utilizada como solário está sendo aprimorada para o uso das crianças, além de outras pequenas reformas.

Na E.M. Silvio Roberto Grecco, os profissionais estão executando a reforma de vestiário, troca de piso e cobertura da quadra esportiva, além da troca de piso e revestimento nas salas de aula.

Em novembro, também tiveram início reformas estruturais na E.M. Prof. Kátia Regina, interditada desde 2019, na E.M. Prof. Mabel Cunha, E.M. João Midolla, e na Central de Abastecimento da Merenda Escolar, com a troca de cobertura.

Por meio de parceria com a Secretaria de Zeladoria e Manutenção Urbana – ZEMA, a Secretaria de Educação está promovendo intervenções para ampliar a acessibilidade na E.M. Eng. Carlos Rohm II e, com apoio de empresa local, a reforma da quadra esportiva da E.M. Prof. Sebastião Vayego de Carvalho. A E.M. Eng. Carlos Rohm I teve reforma na área de embarque e desembarque de estudantes, também por meio de parceria com a ZEMA.

Comente aqui