Data: 21/11/2020 09:39 / Autor: Daniel Betega / Fonte: Secom PSA

Santo André interdita alça de acesso para conclusão de obras do viaduto Adib Chammas

Departamento de Engenharia de Tráfego irá monitorar o trânsito e fazer reprogramação dos tempos semafóricos para garantir fluidez. Interdição começa neste domingo, 22


Crédito: Angelo Baima/PSA

A Prefeitura de Santo André realizará o fechamento, no próximo domingo (22), da alça de acesso ao viaduto Adib Chammas na rua dos Alpes, próximo à Praça Aracaré, no sentido bairro/centro.

A interdição deve durar duas semanas e se faz necessária para viabilizar a execução dos serviços finais de duplicação do viaduto, com intervenções de pavimentação, sinalização viária, serviços de drenagem e implantação de canteiro central.

Neste período, para ter acesso ao viaduto Adib Chammas, o motorista que estiver na avenida Itamarati deverá acessar a rua Caraguatatuba até chegar na avenida dos Estados e posteriormente virar à direita, seguir em frente e virar à esquerda na avenida Antonio Cardoso para acessar a região central.

Além desta rota alternativa, o Departamento de Engenharia de Tráfego (DET) fará ainda a liberação da rua que dá acesso à avenida Antônio Cardoso e da ponte da rua dos Alpes, para que o tráfego possa fluir melhor neste período em direção ao centro da cidade.

O DET realizará também a reprogramação dos tempos semafóricos para garantir a fluidez no tráfego, além do remanejamento e adequação da sinalização e a instalação de faixas informativas.

Encontro

As duas megaestruturas que compõem a duplicação do viaduto Antonio Adib Chammas se encontraram em 25 de setembro, marcando a última etapa do processo construtivo, com a união dos dois segmentos para compor as duas novas faixas de tráfego que transpõem a avenida dos Estados e o rio Tamanduateí.

Um dos diferenciais da obra no viaduto foi o método construtivo adotado para a duplicação do complexo e que se chama balanço sucessivo. A criação das duas novas pistas do Adib Chammas foi feita por módulos e de maneira simultânea dos dois lados do viaduto, para manter o equilíbrio da estrutura e a segurança dos funcionários da obra.

A duplicação do viaduto Adib Chammas faz parte do pacote de obras de mobilidade que está sendo realizado com recursos do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento). A Prefeitura obteve financiamento de US$ 25 milhões junto à instituição financeira e investirá outros US$ 25 milhões em diversas intervenções.

Crédito: Angelo Baima/PSA

Comente aqui