Data: 17/01/2022 19:35 / Autor: Vivian Rossi / Fonte: PMSBC

São Bernardo imuniza 419 crianças de 5 a 11 anos no 1º dia de vacinação contra a Covid-19

Público-alvo são crianças indígenas, quilombolas, com comorbidade e deficiência permanente; vacinação ocorre nas 33 UBSs por agendamento, das 8h às 12h


Crédito: Secretaria de Comunicação / PMSBC

No primeiro dia oficial de vacinação contra a Covid-19 junto ao público-alvo de 5 a 11 anos, a Prefeitura de São Bernardo imunizou nesta segunda-feira (17/01) um total de 419 crianças. A vacinação ocorre nas 33 Unidades Básicas de Saúde por agendamento, com vagas disponíveis no portal www.saobernardo.sp.gov.br/web/coronavirus ou por meio do aplicativo São Bernardo na Palma da Mão.

Neste primeiro momento, estão sendo priorizadas as crianças indígenas aldeadas, quilombolas, com comorbidades e deficiência permanente, cuja condição pode ser comprovada por meio de exames, atestado médico e receitas de medicamentos. A aplicação das doses para este público é feita, exclusivamente, no período da manhã, das 8h às 11h, conforme explica o prefeito Orlando Morando.

“De forma estratégica, decidimos por vacinar as crianças no período da manhã e os adultos do período da tarde e da noite. Isso nos permite controlar melhor o fluxo de pessoas nas unidades e promover uma vacinação segura e eficaz para todas as faixas etárias”, declarou o chefe do Executivo.

O primeiro lote de vacinas pediátricas produzidas pela Pfizer, com 4.408 doses, chegou ao município da última sexta-feira (14/01), quando as primeiras nove crianças já foram vacinadas, em ato simbólico. Dr. Geraldo Reple Sobrinho, secretário de Saúde, enfatiza que a vacinação é segura e eficaz para esta faixa etária. “Assim como os demais grupos, a vacinação nas crianças é muito importante e os efeitos adversos são mínimos frente aos benefícios que teremos com as crianças imunizadas e protegidas contra este vírus”, garantiu.

Sueli Dias não teve dúvidas quando chegou o momento de vacinar seu filho, Miguel Dias Vieira, de 5 anos, que tem asma. “Estava ansiosa para vaciná-lo. Assim que foi disponibilizado o agendamento já fiz o cadastro e viemos no primeiro dia. Quero que ele volte para a escola e a brincar com seus amiguinhos em segurança”, falou a mãe.

Comente aqui