Data: 01/10/2021 17:26 / Autor: Natália Fernandes / Fonte: Secom/PMSBC

São Bernardo realiza 5ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência

Inscrições para o evento on-line agendado para o dia 5 de outubro podem ser realizadas até este domingo (3/10)


Crédito: Ricardo Cassin/PMSBC

Com o objetivo de fortalecer as políticas públicas voltadas aos interesses das pessoas com deficiência, a Prefeitura de São Bernardo realiza, na próxima terça-feira (5/10), a 5ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência. Em atendimento às restrições sanitárias impostas pela pandemia causada pela Covid-19, o evento terá o formato on-line e ocorrerá entre as 13h e 18h. Os interessados podem se inscrever, até este domingo (3/10), pelo link https://forms.gle/SXEpkPN2pqpzarJn6, para participar da ação.

Na visão do prefeito Orlando Morando, a conferência municipal é um instrumento importante para a discussão de políticas públicas necessárias à melhoria da vida da população com deficiência. “A união da sociedade civil com o poder público para pensar em ações práticas capazes de promover a inclusão social e a valorização dos direitos das pessoas com deficiência é fundamental para que São Bernardo continue avançando nessa frente”, destaca.

O tema central da 5ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência é o “Cenário Atual e Futuro na Implementação dos Direitos da Pessoa com Deficiência: Construindo um Brasil mais inclusivo” e também norteará palestra magna que será ministrada pelo presidente da Organização Nacional de Cegos do Brasil (ONCB) e conselheiro nacional de Assistência Social, Beto Pereira.

Seguindo orientação do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Conade), a 5ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São terá cinco eixos norteadores de discussões dos rumos e prioridades para o município, Estado e União. São eles: estratégias para manter e aprimorar o controle social assegurado à participação das pessoas com deficiência, garantia do acesso das pessoas com deficiência às políticas públicas, financiamento das políticas públicas da pessoa com deficiência, direito e acessibilidade e desafios para a comunicação universal.

INCLUSÃO NA PRÁTICA – Em São Bernardo, uma das ações práticas que visam garantir a inclusão das pessoas com deficiência foi a criação de cadeira adaptada para cadeirantes no teleférico do Parque Estoril, a primeira da América Latina. Outro exemplo pode ser conferido na Fábrica de Cultura Bruno Covas, onde moradores têm à disposição óculos que proporciona visão artificial para leitura de livros, permitindo acesso à informação para a população com deficiência visual.

O município também criou a Carteira Municipal de Identificação da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista (CMIPTEA). O documento, pioneiro no Grande ABC, assegura atenção integral, pronto atendimento e prioridade dos moradores acometidos pela síndrome no atendimento e acesso aos serviços públicos e privados, em especial nas áreas da saúde, educação e assistência social. Mais informações sobre o tema no link: https://guiadeservicos.saobernardo.sp.gov.br/guia-de-servicos/servicos/216001/mostrar. A Prefeitura também inaugurou vagas exclusivas de estacionamento para pessoas com transtorno do espectro autista em quatro pontos da cidade.

Comente aqui